Amamentar é - aleitamento materno | por Chris Nicklas

ver menu buscar

Dra. Ana Heloisa Gama /Recém-nascido

O bebê inverteu a noite pelo dia?

E agora? O que pode causar isso e o que pode ser feito para mudar o "fuso horário" do bebê?

  • 31/10/2016
  • Dra. Ana Heloisa Gama

O bebê inverteu a noite pelo dia! E agora?

De dia é uma mão na roda, afinal você aproveita para fazer suas coisas enquanto ele dorme, mas à noite é um inferno, e pior, à  longo prazo a vida fica inviável.

A Dra Ana Heloisa fala sobre o sono invertido, que é mais comum do que imaginamos, e que deixa a vida de uma família literalmente de cabeça para baixo.

Alguns pontos são importantes de serem destacados: a idade do bebê é um deles, afinal nascemos sem nenhuma noção do que é a noite e o que é o dia, e muito menos sabemos que um deles serve especificamente para recarregarmos nossas baterias. Outro ponto importante é a forma com que os pais se relacionam com o bebê durante a noite e no horário em que ela vai se aproximando.

Mas é claro que não podemos ignorar que cada indivíduo tem um metabolismo próprio, que algumas pessoas são diurnas e outras noturnas, e que isso deve ser levado em consideração conforme a criança se desenvolve, sem é claro que sirva de justificativa para que nada seja feito à respeito. Toda casa tem suas regras.

O que muitas mães querem saber: -As mamadas noturnas têm algo a ver com isso? Bebês sempre acordam por fome? Ou por outros motivos? Será que às vezes potencializamos esse hábito de ficar acordado à noite no bebê? O que pode ser feito para mudar isso?

A Dra Ana Heloisa responde essas e outras perguntas:

 

 

Acompanhe a Dra Ana Heloisa também aqui: SOS Mamãe&Cia

DRA. ANA HELOISA GAMA

Médica pediatra aposentada do Hospital Municipal Miguel Couto na cidade do Rio de Janeiro - fundadora do Curso SOS Mamãe e CIA.